Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Córregos - Distrito de Conceição do Mato Dentro MG

(Por Arnaldo Silva) Seu povoamento começou por volta de 1702, com a chegada dos bandeirantes em busca de ouro na região. Não encontraram apenas ouro, mas diamantes também. Córregos foi um forte núcleo de mineração no século XVIII, existindo ainda na região resquícios da mineração na natureza, como escavações profundas. 
Córregos é uma das mais antigas povoações de Minas Gerais, bem como é o mais antigo distrito de Conceição do Mato Dentro, cidade distante 170 km de Belo Horizonte, na Região Central-Norte do estado. Seu reconhecimento como distrito se deu em oito de junho de 1858. 
Dos tempos da mineração e do Brasil Colônia, Córregos guarda a simplicidade de seu povo e riqueza de seu harmonioso casario, desde a mais simples casinha ao mais requintado casarão, guardam detalhes dos tempos do Brasil Colônia. Na Praça da Matriz, um conjunto de belos sobrados e a Matriz, formam um rico conjunto arquitetônico, tombado pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (IEPHA). Recentemente boa parte da vila foi restaurada, principalmente seu principal cartão postal, a Matriz de Nossa Senhora Aparecida de Córregos, padroeira do distrito. A devoção a Nossa Senhora Aparecida de Córregos, iniciou-se em 1722. 
Segundo a tradição popular "apareceu" num pequeno cemitério, uma imagem de Maria, Mãe de Jesus. Há poucos estudos sobre a real origem da imagem, mas segundo a tradição oral, a peça teria sido deixada no cemitério por um bandeirante, antes de deixar o povoado. Mais tarde, foi erguida na vila uma pequena igreja e em seu altar, foi colocada a imagem "aparecida" de Nossa Senhora. A devoção a Nossa Senhora Aparecida de Córregos não tem nada a ver com a padroeira do Brasil, são imagens distintas, trabalhadas de forma diferente pelos artistas da época, encontradas em épocas diferentes e em situações diferentes. Outro detalhe que chama a atenção, é que o tom da pele da imagem de Nossa Senhora Aparecida de Córregos é branca. 
Vivem em Córregos cerca de 500 pessoas que trabalho na agropecuária, em especial na produção de polpa frutas, doces, farinha, polpas, cachaça, possui um rico artesanato, uma excelente culinária típica. É uma uma região com turismo crescente, já que em Córregos a cultura popular é manifestada em sua história, em sua banda de música e por possuir belas paisagens como o Rio Santo Antônio e por integrante da Estrada Real. Os turistas são atraídos a Córregos, também, por sua simplicidade arquitetônica que mais lembra um presépio de tão pitoresco e charmoso que é. 
A vida no distrito é calma, tranquila e seu povo é muito religioso, preservando as datas especiais das festas Católicas como a Festa do Divino e de São Sebastião em 20 de janeiro. Em 14 de setembro acontece a Festa de Nossa Senhora do Rosário e em 12 outubro, a festa de Nossa Senhora Aparecida.
Córregos é um lugar único em Minas, não tem igual.
(Todas as fotografias desta edição são de autoria de Ricardo Costa)

Um comentário:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Postagens populares

Seguidores