sábado, 28 de janeiro de 2017

15 distritos mineiros que vão fazer você se apaixonar ainda mais por Minas - PARTE I

Minas Gerais possui 1.712 distritos, sendo 853 cidades, que são as sedes municipais, mais 859 vilas, que são as sedes distritais.Cada um mais charmoso, pitoresco e lindo que outro. Não dá para postar todos, por isso vocês vão conhecer 15 pitorescos distritos que vão fazer você se encantar mais com Minas Gerais.

1 - Córregos
Fotografia de Ricardo Costa
O povoado de Nossa Senhora Aparecida de Córregos é considerado o mais antigo do município de Conceição do Mato dentro a 170 km de Belo Horizonte. Fundado por bandeirantes em 1702, foi núcleo ativo de mineração, tendo seus primeiros habitantes explorado com sucesso, nos cursos de água locais, tanto o ouro como o diamante, anos mais tarde.Com 432 habitantes (Censo 2010/IBGE), o lugarejo tem experimentado um crescente fluxo de turistas, pois é parte integrante da Estrada Real, projeto do governo de Minas Gerais. A economia é baseada na agropecuária, artesanato, culinária (cachaça, geleia, polpa de frutas, farinha). Apresenta como áreas de lazer o rio Santo Antônio e as festas religiosas com a banda de música de Córregos.(Fonte desta informação:: Livro: Minas Gerais – Monumentos Históricos e Artísticos – Circuito do Diamante.)
2 - Lobo Leite
Fotografia de Wanderley da Silva Almeida
Lobo Leite é um distrito da cidade brasileira de Congonhas, Minas Gerais que inicialmente pertencia a Ouro Preto. Um dos seus marcos é a Igreja de Nossa Senhora da Soledade, que tem um grande significado histórico para a comunidade de Lobo Leite. Em julho de 2009, terminaram as obras de restauração da Igreja que duraram dois anos e meio. Há também um restaurante histórico na região chamado Tia Maria, de tradicional comida mineira.
3 - São José das Três Ilhas
Fotografia de Márcia Valle
São José das Três Ilhas é um distrito de Belmiro Braga, na Zona da Mata Mineira. É um dos patrimônios históricos de Minas. Possui belos casarões datadas do período colonial e sua igreja Matriz foi erguida no século XIX, toda em pedra, sendo herança dos barões do café da região. Nesse estilo, é a única na Zona da Mata.
4 - São Sebastião das Três Orelhas
Fotografia de Fernando Campanella
A história de São Sebastião das Três Orelhas faz parte da história de Gonçalves no Sul de Minas, pois o povoado foi o primeiro núcleo habitacional do futuro município, muito antes da emancipação política e separação de Paraisópolis, cidade a qual Gonçalves pertencia.  Uma das peculiaridades de São Sebastião das Três Orelhas é ter o seu próprio cemitério, onde estão os túmulos das famílias pioneiras. A história do nome do povoado tem várias versões, todas contadas oralmente e cujas origens já se perderam no tempo. A versão tida como verdadeira pelos moradores mais antigos faz referência a uma história local, segundo a qual havia um morador dono de algumas terras que tinha um colono que tirava muita coisa do seu pequeno pedaço de terra. Um dia esse colono abateu três dos seus porcos e separou os pedaços. O dono das terras viu as carnes e propôs ao colono que lhe vendesse as seis orelhas de porco, esse recusou (regateou, como se diz em Minas) e após muita negociação concordou em trocar somente a metade das orelhas por um pedaço de terra. A história das "Três Orelhas" correu e o nome passou a identificar o lugar. Mais tarde foi erguida a capela, dedicada a São Sebastião, a partir daí a capela passou a ser referenciada como a "capela de São Sebastião" das "Três Orelhas". (Fonte desta informação: Site da Prefeitura de Gonçalves - www.goncalves.mg.gov.br)
5 - Piacatuba
 Foto da internet. No momento não identifiquei a autoria, assim que identificada, os créditos serão inseridos.
Piacatuba é um distrito de Leopoldina na Zona da Mata. Em seu território, localiza-se a Usina Hidrelétrica Maurício, construída no rio Novo entre 1906 e 1908. Piacatuba guarda relíquias arquitetônicas do final do século XIX. Organiza anualmente o tradicional Desfile de Charretes e o famoso e tradicional Festival da Viola e Gastronomia.
6 - São José da Serra 
Foto do Barbosa
São José da Serra, distrito de Jaboticatubas, é um povoado aconchegante e agradável de receptividade simples e acolhedora de seus moradores.Localizado a 25 KM do centro de Jaboticatubas, faz parte da APA Morro da Pedreira e reúne belos atrativos de grande valor ecológico. É banhado pelo Rio Jaboticatubas formando várias quedas e poços apropriados para banho. 
(Fonte da informação site jaboticatubas.com.br)
7 - Luminosa 
Fotografia de César Silveira 
Luminosa pertence ao município de Brazópolis. O distrito possui belíssimas paisagens da Serra da Mantiqueira e da Mata Atlântica, além das lindas nascentes d’água que formam belíssimas cachoeiras devido ao seu relevo e abundância de rochas. A cidade Brazópolis está localizada num verdadeiro complexo turístico, a 60 km de Campos do Jordão/SP, 45 km São Bento do Sapucaí/ SP, 49 km de Gonçalves/MG e a 40 km de Maria da Fé/MG. O distrito possui um clima ameno e agradável, com belíssimas montanhas e um céu invejável. Neste local, o turista também poderá encontrar um dos observatórios de astronomia brasileiro. Luminosa possui uma maravilhosa gastronomia, com muitos atrativos naturais exuberantes como cachoeiras, picos e suas pedras propiciando um ambiente favorável para a prática de esportes ao ar livre, como caminhadas, passeios de bike, jeep e cavalgadas.
Texto extraídos do site http://www.guiadoturismobrasil.com/cidade/MG/515/luminosa
8 - Macaia
Fotografia de José Luiz de Freitas 
Macaia é é um pitoresco distrito de Bom Sucesso no Sul de Minas e é banhada pelo lago da Hidrelétrica do Funil, sendo um dos seus principais atrativos.
9 - Mato Grosso 
Antigamente distrito de Alvorada de Minas, Mato Grosso hoje integra o município do Serro, no Alto Jequitinhonha e conta com 1200 habitantes. É um pequeno distrito, formado por oito ruas que se encontram em um ponto comum, onde se localiza a Capela de São Sebastião. O distrito possui ainda algumas casas em estilo colonial simples, mas assim como a Capela, já tiveram algumas de suas principais características modificadas.
Há também em Mato Grosso a capela de Nossa Senhora das Dores, e a religiosidade presente faz convergir para a cidade um grande número de fiéis. Há festas como a do padroeiro e de Nossa Senhora do Rosário, e a mais famosa é a que se realiza na capela de Nossa Senhora das Dores, com elevado fluxo de romeiros que, durante duas semanas de jubileu no mês de julho, ocupam as dezenas de casinhas localizadas próximas à igreja.
 
Fotografia de F. Weber. 
Fonte do texto:http://www.turismosolidario.com.br/interna.php?area=4&municipio=24
10 - Monte Verde
Fotografia de Ricardo Cozzo
Monte Verde é distrito da cidade de Camanducaia e está no Sul de Minas. Um dos lugares mais procurados do Brasil para turismo, principalmente na época do frio quando os termômetros baixam de 0 grau no inverno. O povoado de pouco mais de 5 mil habitantes, chega a receber mais de 50 mil turistas no inverno em busca do romantismo e charme que a arquitetura européia oferece, bem como seus chocolates, cervejas artesanais e sua gastronomia especial, valorizando a culinária mineira. Com seus 1554 metros de altitude, Monte Verde está no ponto mais alto de Minas Gerais e a segunda cidade mais alta do Brasil, perdendo apenas para a vizinha Campos do Jordão que está 1620 metros de altitude.
11 - Milho Verde
Fotografia de Karle Ray (Pitiruas)
Milho Verde é distrito da cidade do Serro.Situa-se na região do Alto Jequitinhonha, próxima à nascente deste rio. sua população no ano de 2010 era de 1 275 habitantes, sendo 655 homens e 620 mulheres, possuindo um total de 548 domicílios particulares. Foi criado pela lei provincial nº 830, de 11 de Julho de 1857. Originou-se da lavra de minerais preciosos de Manuel Rodrigues Milho Verde, natural da Província do Minho, em Portugal, e abrigou um posto de fiscalização da entrada e saída no Distrito Diamantino. De aspecto e modo de vida tradicionais, com casario e igrejas antigas cercados de montanhas de pedra e cachoeiras da Serra do Espinhaço, e afastada da velocidade e tecnologia do mundo moderno, Milho Verde veio a se tornar um dos cartões-postais de Minas Gerais, sendo muito visada pela atividade turística e atraindo um grande número de novos moradores, com impactos diversos para a população local. Distante poucos quilômetros de Diamantina, integra roteiros turísticos de cunho histórico, cultural e ecológico, tais como o da Estrada Real. (Fonte Wikipédia).
12 - Santana do Alfié
Fotografia de Duprata.com
Santana de Alfié é um pitoresco distrito de São Domingos do Prata. Começou a ser povoado a partir de 1730. A Igreja Matriz começou a ser construída em 1790. O distrito guarda relíquias históricas desde o século XVIII.  O nome "Alfié", segundo acreditam, veio do ouro que era extraído no local onde os compradores que lá iam, pediam "ouro fiel", em referência ao ouro de qualidade que ali se extraía. Sempre que queria comprar ouro, falavam "ao fiel" e como mineiro gosta de diminuir e na época, a palavra fiel era pronunciada como "fié", ao invés de falarem "ao fiel" falavam no mais puro mineirês mesmo, "alfié". Assim pegou e assim ficou até hoje. O distrito está a 49 km da sede do município e faz divisa com as cidades de Jaguaraçu, Marliéria, Dionísio e Nova Era.
13 - Lavras Novas 
Fotografia de Paulo Carvalho (Paura) 
Lavras Novas é um distrito de Ouro Preto, dista 19 km da sede. O distrito data de aproximadamente 1716 e sua comunidade é de maioria negra, cercado por esplêndidas paisagens de montanha. Iniciando na década de 1990, foi descoberta por turistas, que procuram o local em busca da cultura local, da paz, da natureza e da aventura. A população chega a sextuplicar durante feriados. Antes disso, foi cenário de um conto de Bernardo Guimarães, "A Garganta do Inferno" (1871).
As atrações naturais ainda são mal sinalizadas e algumas oferecem perigo, como a cachoeira do Rapel. Com mais de 200 metros de queda - contando todos os seus degraus - não é recomendada para turistas inexperientes. Mesmo assim é possível chegar perto da queda, passando por outra atração: os pocinhos. São ideais para um refrescante banho.
Tem mais: cachoeira dos Namorados, cachoeira Três Pingos, represa do Custódio… A mais bela cachoeira, cabeceira da represa, leva o nome da padroeira do local, Nossa Senhora dos Prazeres. O acesso é demorado, o carro vai até certo ponto. Depois são mais ou menos quarenta minutos de caminhada. Contudo o sacrifício é recompensado pela força da queda. Uma chuva fina, formada pelo bater ruidoso das águas, refresca o cansaço. (Wikipedia)

14 - Bichinho
  Fotografia de Kiko Neto
Vitoriano Veloso, também conhecido como Bichinho, é um povoado rural de Prados. Está situado a cerca de 9 km do centro da cidade.
Bichinho é bastante conhecido por sua importância histórica, sendo que o povoamento do lugar teve início com a procura de ouro no decorrer do século XVIII. Neste período surgiram as primeiras construções, muitas das quais ainda existem e conservam o estilo arquitetônico original. A Igreja Nossa Senhora da Penha, cujas obras tiveram início em 1732 e término em 1771, configura-se como um dos principais atrativos. O artesanato de móveis, telas, bordados, crochês, tapetes, esculturas e adornos também é bastante presente. (foto de Kiko Neto)
Fotografia de Kiko Neto
O nome do povoado é uma homenagem a Vitoriano Gonçalves Veloso, negro que nasceu e viveu na região e trabalhava como alfaiate após ser um escravo alforriado, tendo sido um dos participantes da Inconfidência Mineira. Inicialmente a área da localidade pertencia ao município de Tiradentes, porém em 1938 teve seu território anexado a Prados. Faz parte do Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes e recebe um dos trechos da Estrada Real. (Fonte desta informação Wikipédia)
15 - Ipoema
Fotografia de Sérgio Mourão/Encantos de Minas
Ipoema é um distrito de Itabira. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), sua população no ano de 2010 era de 2 746 habitantes, sendo 1 374 homens e 1 372 mulheres, possuindo um total de 1 331 domicílios particulares
Foi criado pela lei municipal nº 26, de 23 de maio de 1894, então com o nome de Aliança. Pelo decreto-lei estadual nº 1.058, de 31 de dezembro de 1943, passou a ter sua denominação atual.
Fotografia de Marley Mello
Ipoema é procurada por suas belezas naturais, principalmente por suas cachoeiras (Cachoeira Alta, Cachoeira Boa Vista, Cachoeira Patrocínio Amaro), mas também tem como destaque o Museu do Tropeiro, que desde 2 de abril de 2003 reúne cerca de 700 objetos relativos aos tropeiros e realiza exposições temáticas.
Quem quiser conhecer todos os distritos mineiros, segue o link da relação com todos os 1712 distritos e vilas de Minas Gerais. Essa é a relação oficial:http://www.iga.br/js/source/distritos_mg.pdf
AVISO LEGAL:Este conteúdo pode ser publicado livremente, no todo ou em parte, em qualquer mídia, eletrônica ou impressa, desde que contenha um link remetendo para o site www.conhecaminas.com

192 comentários:
Faça também comentários
  1. Respostas
    1. Olhe melhor, pois foi citado sim..

      Excluir
    2. Milho Verde não faltou esta ai sim.Pertence ao Serro

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. Meu sonho conhecer Milho Verde

      Excluir
    5. Piedade do Paraopeba, em Brumadinho é uma boa sugestão assim como a Quinta do Sumidouro, ambas na Grande BH

      Excluir
    6. Gente! adorei viajar por estes municipios de Minas Gerais. Agradeço a postagem

      Excluir
    7. distritos deOuro Preto: Cachoeira do Campo, Amarantina, Santo antonio do Leite, Sao Bartolomeu, Glaura, Serra do siqueira, Maracuja, Soares, Coelhos...

      Excluir
  2. Faltou o distrito de Pintos Negreiros no município de Maria da Fé.

    ResponderExcluir
  3. Galera... milho verde é cidade! A lista é de distritos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Milho Verde é um maravilhoso distrito do município do Serro.

      Excluir
    2. Milho verde é distrito. E esta ai na lista.

      Excluir
    3. Um Belíssimo distrito da cidade do Serro !

      Excluir
  4. Faltou ipoema... distrito de Itabira.
    Faltou cabeça de boi... distrito de Itambé.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como foi citado no início, Minas tem 1712 distro e na postagem tem 12. Faltaram então 1700. Não dá para colocar tudo num só post.

      Excluir
    2. Ipoema está citado sim! Veja aí em cima ! Rsrsrs....gente ! Eles realmente não podiam citar todos! São centenas ! Mas publicaram a lista dos 1700 faltantes! Pra bom entendedor! Rsrsr....

      Excluir
  5. Milho Verde é um maravilhoso distrito do município do Serro.

    ResponderExcluir
  6. Faltou Tapera, Conceição do Mato Dentro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que Tapera hoje se chama Santo Antonio do Norte.

      Excluir
    2. Mas esse nome não se popularizou. Continua Tapera

      Excluir
  7. Faltou-me conhecer pessoalmente lugares tão lindos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antonio Santana: eu também fiquei com água na boca de conhecer de perto a maioria desses singelos e lindos distritos. Da lista, tive a chance de me hospedar por 3 vezes em Monte Verde e conheci de passagem, algumas horas, a deslumbrante Lavras Novas, que merece uma estadia mesmo ! Como as outras! Minas está em meu ♡ ! Fica a vontade de um dia conhecer as outras 13 da lista e muitas mais dentre as 1700 que faltam ! Eita Minas singela e cativante! Amo demais !

      Excluir
  8. Que parte que vocês não leram onde no artigo disseram que não dá para postar de todos que são mais de 800?

    ResponderExcluir
  9. Guarda dos Ferreiros distrito de São Gotardo. Tem história. Sua história faz parte do crescimento do estado de Minas Gerais.

    ResponderExcluir
  10. Não dá para postar tudo. Faça em série. Ficara lindo

    ResponderExcluir
  11. Respostas
    1. Acho q vc não leu tudo... ;)
      Leia o 13.

      Excluir
    2. Faltou não, está aí na lista. É só dá uma olhada com mais atenção que verás.

      Excluir
    3. Muitos precisam aprender a ler com atenção. Leitura é treinamento, que não lê habitualmente acaba não conseguindo interpretar um texto simples como este.

      Excluir
  12. Faltou Morro do Ferro, distrito de Oliveira!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade. Delícia de lugar e de pessoas!

      Excluir
    2. Morro do Ferro ė município autônomo.

      Excluir
  13. Faltou São Gonçalo do Rio das Pedras , distrito do Serro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo. Falaram de Milho Verde (mostraram foto, inclusive) e deixaram o belíssimo distrito de Serro de São Gonçalo do Rio das Pedras. Que pena.

      Excluir
  14. Respostas
    1. Sim concordo.Cocais (Municipio de Barão de Cocais) é de uma beleza singular.Aguardamos na próxima.

      Excluir
    2. Sim concordo.Cocais (Municipio de Barão de Cocais) é de uma beleza singular.Aguardamos na próxima.

      Excluir
  15. Respostas
    1. E porque ce acha que sabe tudo ou num sabe nada

      Excluir
    2. Também leio rindo,Helenice.E não somos "MAU educados",né?

      Excluir
    3. muito bom o assunto. Me mudei para Minas a pouco tempo e foi interessante ler sobre alguns dos belos lugares que ha aqui!!

      Excluir
  16. Faltou o maior e mais importantes de todos, Cachoeira do Campo MG, com certeza fruto do descaso e deficiência dos dirigentes da setor de turismo de Ouro Preto...

    ResponderExcluir
  17. Faltou capela do saco,caquende,santo antonio e varios outros

    ResponderExcluir
  18. Faltaram os distritos : Ipoema , distrito de Itabira e Cabeça de Boi, distrito de Itambé do Mato Dentro.

    ResponderExcluir
  19. Faltaram os distritos : Ipoema , distrito de Itabira e Cabeça de Boi, distrito de Itambé do Mato Dentro.

    ResponderExcluir
  20. Faltou 1700 distritos ��������
    Chorei.....
    Tem um link aí com todos.
    ��

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faltaram São Gonçalo do Rio das Pedras, Serro e Cocais, Barao de Cocais.

      Excluir
  21. Faltou Andrequice, terra de Manoelzão de Guimarães Rosa, distrito de Três Marias.

    ResponderExcluir
  22. Conselheiro Mata (distrito pertencente à cidade de Diamantina) próxima à cidade de Monjolos

    ResponderExcluir
  23. Faltou Morro Vermelho, distrito de Caete-MG, lugar cheio de historias; aconchegante, pacato, com belas paisagens e onde esta a bela cachoeira de Santo Antonio.

    ResponderExcluir
  24. Essa lista é apenas um aperitivo... Minas tem lindas cidades aconchegantes, pitorescas, e cheias de charme... cito uma: Pedra Azul.

    ResponderExcluir
  25. Ta errada a informação sobre altitude em Monte Verde: "Com seus quase 1600 metros de altitude, Monte Verde está no ponto mais alto de Minas Gerais" não chega nem perto do Pico da Bandeira, com quse 3000 mtrs de altitude é o verdadeiro ponto mais alto de MG, e 3º mais alto do Brasil. Aliás na serra do Caparaó existem distritos tão interessantes quanto os mostrados aqui..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Altura de montes, montanhas e morros não é igual a altitude de cidades. Não é porque uma cidade tem uma montanha de 1000 metros de altura, que a altitude dela seja essa. Alto Caparaó, onde está o Pico da Bandeira não é a cidade mais alta de Minas. Isso porque a altura do Pico da Bandeira não é base para medir a altitude da cidade. A cidade mais alta do Brasil é Campos do Jordão. As 10 cidades mais altas do Brasil são:1. Campos do Jordão (SP) – 1.620m
      2. Monte Verde (MG) – 1.554m
      3. Senador Amaral (MG) – 1.505m
      4. Bom Repouso (MG) – 1.360m
      5. Gonçalves (MG) – 1.350m
      5. São Joaquim (SC) – 1.350m
      7. Urupema (SC) – 1.335m
      8. Campestre (MG) – 1.300m
      9. São Thomé das Letras (MG) – 1.291m
      10. Diamantina (MG) – 1.280m
      Pode pesquisar e conferir.

      Excluir
    2. Deu para entender Gustavo? A altimetria das cidades não é calculada pela altura de morros, montes ou montanhas. Alto Caparaó nem aparece na lista de cidades mais altas do Brasil. Toda cidade tem seus montes, serras, picos, montanhas e a base de cálculo da altitude nesses casos é pela altimetria e não altura de lugares mais altos. Te passei ai acima a lista de apenas 10. São 30 e dessas 30, 18 estão em Minas Gerais. Monte Verde está em segundo lugar, com 1554 metros de altitude. Grande abraço Gustavo.

      Excluir
    3. Parabéns Arnaldo Silva! Muito boa a sua explicação!

      Excluir
    4. Sob essa perspectiva sim, mas corrija então o fim da frase: "Monte Verde está no ponto mais alto de Minas Gerais" Em se tratando de cidades... No mais obrigado pela explicação atenciosa e educada! Conheço alguns desses lugares, muito lindos por sinal, ótima matéria...

      Excluir
  26. Pedra Azul tem no ES. Em MG também tem?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Temos uma linda e histórica cidade chamada de Pedra Azul, no Vale do Jequitinhonha. A cidade tem formações rochosas de encantar, paisagens lindas e uma linda e histórica arquitetura, com lindíssimos casarões históricos.

      Excluir
    2. Por sinal, terra de Paulinho Pedra Azul, grande talento musical mineiro...

      Excluir
  27. Gente, não faltou nada, porque são 1752 distritos, por favor neh? sejam mais adultos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faltou sim, porque sem Catas Altas esta lista de 15 distritos mais charmosos está irremediavelmente furada...

      Excluir
    2. Catas Altas é cidade e não distrito.

      Excluir
  28. Belo link sobre as cidades pitorescas e atrativas nas diversas regiões de Minas Gerais. Nasci em Pratinha MG na época (1950) era distrito de Medeiros e Bambui dependendo do escrivão do cartorio (coisas de Minas). La não tem uma representação turistica por ser muito pequeno, mas esta em Meu Coração, abraços a todos o meus conterrâneos e parentes que estão espalhados pelo mundo todo.

    ResponderExcluir
  29. Faltou Itaci, distrito de Ilicinea!sul de minas. banhado pelo lago de furnas.

    ResponderExcluir
  30. Faltou, Vila de Cocais, em Barão de Cocais.

    ResponderExcluir
  31. Pocinhos do Rio Verde também é bem legal, apesar de não ter sido incluído.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. www.espacoturismo.com/ecoturismo/pocinhos-do-rio-verde

      Excluir
  32. Lapinha da Serra em Santana do Riacho é um dos locais mais bonitos que eu conheço!

    ResponderExcluir
  33. Faltou Conceição do Ibitipoca... Que furo hein, dentre eles o melhor... Falar de Lobo Leite e esquecer Ibitipoca foi a gafe... Kkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Navegue no site e poderá ver 2 matérias exclusivas sobre Conceição do Ibitipoca e 3 sobre o Parque do Ibitipoca. Gafe é comentar algo sem se informar antes.

      Excluir
  34. Dentre os lugares citados na reportagem e nos comentários, mas da metade eu conheci fazendo a estrada real. (caminho velho, caminho dos diamantes e Sabarabuçu)

    ResponderExcluir
  35. Nesse site pode se baixar as planilhas dos caminhos da estrada real http://www.institutoestradareal.com.br/

    ResponderExcluir
  36. Pessoal, e o Distrito dos Costas? Fica no município de Paraisópolis, MG. É lindo demais lá. Do lado da cidade turística Gonçalves. :)

    ResponderExcluir
  37. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  38. Ótimas dicas! aproveite e pesquise sobre Conceição do Ibitipoca, é distrito de Lima Duarte, perfeito! Tem parque estadual, uma vila super charmosa e festival de blues! Amo Minas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verônica, no site tem 3 matérias sobre o Parque do Ibitipoca e outra exclusiva sobre Conceição do Ibitipoca. Veja. Não há necessidade de falar nesse post sobre esse distrito, tem um post só sobre ele no site.

      Excluir
  39. Que povo chato: faltou isso, faltou aquilo! Ninguém sabe elogiar o texto, não? Excelente matéria, bem escrita, e quem ache que faltou, que sente e escreva a sua própria matéria, só para eu comentar: faltou a PQP!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom seu comentário. É essa a verdade.

      Excluir
  40. Conheço alguns! Minas e seus encantos! Nos comentários acima estão falando que faltou esse e faltou aquele. Alguns confundem pequenas cidades charmosas, como Catas Altas com distrito. Se informem melhor. Excelente matéria! Querem ver seu distrito ou achar um bom destino para passeio? Veja abaixo:
    Quem quiser conhecer todos os distritos mineiros, segue o link da relação com todos os distritos e vilas de Minas Gerais.:http://www.iga.br/js/source/distritos_mg.pdf

    ResponderExcluir
  41. Respostas
    1. Garoto, a lista é de distritos. Catas Altas é município!!! Ok?????

      Excluir
  42. Concordo com quem fez a matéria e com todos que reclamaram. Minas é de fato, um mundo, pois apesar dos seus 853 municípios e 1752 distritos ( informação da página), possui também mais de 15 mil comunidades, que bem que já poderiam ser distritos. Todos com seus encantos e suas peculiaridades. Como repórter fotográfico, que já reportou 732 municípios e mais de 5.000 distritos e comunidades ( distritos, povoados, comunidades, bairros) posso atestar isso. Em minhas páginas do facebook - ( www.facebook.com/EncantosDeMinas quem quiser pode até acompanhar fotos de mais de 250 municípios e distritos alí retratados. Depois tirem conclusões. Nada no Brasil, se compara a Minas Gerais e seus Encantos. Que me perdoem os conterrâneos brasileiros, mas Minas é Minas, uai.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sérgio Mourão, é uma honra pra nós ter você aqui, comentando a postagen e ter seus trabalhos ilustrando postagens nos engrandece muito. Um dos ícones da fotografia mineira, grande fotógrafo, grande pessoa. Tenho prazer em ter sua amizade, mesmo que virtal pelo face, mas é sempre por estar perto dos bons, no teu caso, dos ótimos. Grande abraço amigo.

      Excluir
    2. Trabalho maravilhoso , importante e único do meu amigo Sérgio Mourão.Minas realmente são muitas. Abraços a todos e boa viagem! Luiz Omar

      Excluir
  43. Conceição do Ibitipoca! Distrito de Lima Duarte, acho que quem fez esse post viajou pouco por minas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Viaje pelo site Ulisses e poderá ver 3 matérias sobre o Parque do Ibitipoca e 1 sobre o distrito de Conceição do Ibitipoca. Se tem 4 matérias falando do Ibitipoca não há necessidade de repetir.

      Excluir
  44. O Distrito do Pedrão em Pedralva/Maria da Fé também é um local muito interessante.

    ResponderExcluir
  45. Bom Dia!
    Belíssima postagem sobre distritos mineiros! Parabéns!
    Aproveitando a oportunidade, gostaríamos de mencionar o antigo e histórico, distrito de Sobral Pinto, pouco conhecido...
    O povoado do "Pomba" ou "Pombense"surgiu por volta de 1860 (em terras pertencente ao município de Rio Pomba), com a chegada do sesmeiro Manoel Ferreira Martins, onde na fazenda Santa Maria fixou um Cruzeiro... Nos arredores da "Santa Cruz" surgem as primeiras casas residenciais e comerciais, formando a pequena vila.
    Em 1879, o lugarejo é cortado pela ferrovia, trazendo progresso e inovação. Sua estação de madeira é inaugurada, oficialmente, na visita do imperador D. Pedro II ao arraial, em 1881...
    Em 04 de setembro de 1892, Pombense passa a se chamar Sobral Pinto, em homenagem ao honroso engenheiro da estrada de ferro Leopoldina, Luiz Cavalcante Sobral Pinto.
    A capela, em honra à Nossa Senhora dos Anjos, foi erguida pelo português Cel. Manoel Póvoa, já no início do século XX, mais tarde consagrada à Nossa Senhora Auxiliadora, atual padroeira.
    Essa é uma pequena parte da rica história deste antigo distrito de Minas!
    Obrigado pela oportunidade de divulgá-lo!
    Abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você falou do Cruzeirão. O time foda do Brasil. Dá-lhe Zêroooooooooooo...

      Excluir
  46. Jovem, Milho Verde é municipio, por isto num consta na lista com certeza! Ok???

    ResponderExcluir
  47. Parabens pela materia,vou arrumar a mochila e colocar o pe na estradra.

    ResponderExcluir
  48. Que lugares maravilhosos,conheço alguns mas,com certeza pretendo conhecer outros,valeu obrigado pelas informaçoes

    ResponderExcluir
  49. Faltou Mercês de Águas Limpas, distrito de São Tiago.

    ResponderExcluir
  50. Faltou um pequeno distrito de Diamantina de nome "SOPA" lugar mais tranquilo que este, não existe em Minas Gerais!

    ResponderExcluir
  51. Faltou um pequeno distrito de Diamantina de nome "SOPA" lugar mais tranquilo que este, não existe em Minas Gerais!

    ResponderExcluir
  52. faltou estevão de araujo distrito de araponga, cidade mineira pequena de 8 mil habitantes, onde a há diversas cachoeiras, trilhas, picos e o melhor café do brasil. Além de um parque estadual maravilhoso pesquisem e faça um matéria sobre a cidade, você pode se surpreender.

    ResponderExcluir
  53. Excelente post. Eita povo que adora reclamar...Lugarzim legal? Biribiri!

    ResponderExcluir
  54. Gostei.
    Motivar o turismo para esta região é Sensacional.

    ResponderExcluir
  55. Conheço 8 destes aí ! Bão demais Minas Gerais !

    ResponderExcluir
  56. Minas é um País dentro do Brasil. Muita diversidade, romantismo e poesia. Faltou São Pedro do Avaí, Distrito de Manhuaçu, com cerca de 5 mil habitantes, onde nasci e me criei, entre outros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Conhecido também por São Pedro da Cabeluda kkk, terra do Fábio Júnior, ex-jogador do Cruzeiro.

      Excluir
  57. Ipoema é o n*15
    Bichinho é o n*14
    Eita povinho do sóio ruim.

    ResponderExcluir
  58. Arnaldo Silva, parabens pelo texto! Este pouporri de cidades e suas historias ja me despertou a vontade de voltar a MG. Sou paulistana, amo SP mas afirmo que MG é o melhor estado do Brasil: lindas paisagens, gastronomia maravilhosa e um povo bom demais da conta! Continue divulgando as maravilhas mineiras! Bjo

    ResponderExcluir
  59. Faltaram Santo Antônio do Rio Grande e Maringá, Distritos de Bocaina de Minas.

    ResponderExcluir
  60. Faltou Santo Hilário, distrito de Pimenta - MG.

    ResponderExcluir
  61. Muito boa a matéria.
    Clara.
    Ponto negativo: as pessoas não lêem com autonomia, não conseguem interpretar textos, valorizam suas experiências em detrimento das dos outros, são parciais, egoístas, não conseguem lançar mão de argumentos ao fazer uma crítica ou apontar uma falha (de acordo com seus pontos de vista). As pessoas estudam pouco, lêem pouco, analisam pouco, não buscam fontes, mas querem ter a razão.
    Ponto positivo pra matéria informativa. Ponto negativo pra humanidade (faço parte dela, só pra deixar claro antes que me critiquem).
    Saudações desde Francisco Morato-SP.
    Sidnei Sousa, paulista paulistano apaixonado por Minas Gerais de norte a sul.
    E-mail: zufianini@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melhor comentário. Parabéns pela lucidez e discernimento das coisas Sidnei.

      Excluir
  62. Henrique e Escola Jean Piaget...melhor consultar um oculista....ambos os Distritos estão citados....

    ResponderExcluir
  63. Minas gerais tem muitas facetas , o sul de minas conheço que quase inteiro e uma boa parte da zona da mata tbm , onde nasci. Más o que me deixou apaixonado foi a região de Diamantina , vale do Jequitinhonha e as belezas naturais do cerrado.

    ResponderExcluir
  64. Tem Carlos Euler, distrito de Passa Vinte no sul de Minas. Bom Jesus do Vermelho e Paraíso Garcia e Ibitipoca, Campo das Vertentes e Zona da Mata respectivamente.

    ResponderExcluir
  65. Distrito de Sertãozinho - Borda da Mata - MG

    ResponderExcluir
  66. Conceição de Ibitipoca, distrito de Lima Duarte.MG

    ResponderExcluir
  67. Distrito de pocinhos do Rio verde....pertence ao município de Caldas...

    ResponderExcluir
  68. Coloca MINAS GERAIS toda, lugar perfeito.

    ResponderExcluir
  69. FALTOU OS DISTRITOS MARAVILHOSOS DE SÃO JOÃO DEL REI - CABURU, RIO DAS MORTES,SÃO MIGUEL DO CAJURU, SÃO SEBASTIÃO DA VITÓRIA E EMBOABAS

    ResponderExcluir
  70. faltou Porto dos Mendes, um lugar lindo do sul de MG.

    ResponderExcluir
  71. Faltou uma versão em inglês, espanhol e/ou francês

    ResponderExcluir
  72. Conheci um pouco de São João del Rei e Tiradentes por razão de um congresso de Conservação e Restauro e me apaixonei por Minas Gerais.Tenho muita vontade de conhecer estes e outros lugares maravilhosos de Minas, além do povo mineiro que é encantador. Obrigada por me apresentar mais um pouco destas maravilhas !

    ResponderExcluir
  73. Senti falta de Conceição do Ibitipoca, distrito de Lima Duarte e São Sebastião das Águas Claras, a popular Macacos, distrito de Nova Lima.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso. Conceição do Ibitipoca, é tudo de bom, conheci ano passado

      Excluir
  74. Dos quinze distritos citados eu tive a satisfação de conhecer três deles, Milho Verde, Lavras Novas e agora estou morando bem pertinho de Piacatuba. Muito show todos eles, mas Milho Verde é o melhor!!!

    ResponderExcluir
  75. Faltou "Itatiaia" distrito de Ouro Branco MG

    ResponderExcluir
  76. Faltou Amanhece distrito de Araguari

    ResponderExcluir
  77. Maravilhosa iniciativa, quem quiser que faça a sua postagem. Parabéns!

    ResponderExcluir
  78. Arnaldo Silva sua postagem está excelente.
    Minas Gerais tem belíssimas cidades como pude observar.
    Bom pra fugir um pouco da correria das cidades grandes.
    Espero um dia poder conhecer ao menos várias delas se não todas.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  79. Sidnei Souza, seu comentário merece parabéns! Arnaldo Silva sua postagem está excelente, imagino como foi doloroso escolher entre tantas maravilhas não é mesmo! Impossível fazer menção a todos os distritos numa única postagem, mas como esta é a PARTE I com certeza seremos brindados com mais encantos de cada canto das Minas Gerais!

    ResponderExcluir
  80. Aí aí meu milho verde quando vi minha cidade citada aki até bateu saldade de estar lá

    ResponderExcluir
  81. Respostas
    1. Como está e a PARTE I, veja na parte II, quem sabe esteja lá. Tem a III também, mas veja na parte II

      Excluir
  82. Com relação a Santana do alfié foi cometido erros ao afirmar que está apenas a 20 km da sede, não é verdade é talvez o triplo disso e Santana do Alfié está a 15 minutos de carro da cidade de Antônio Dias, mesmo assim foi omitido quando citaram cidades limítrofes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua informação está correta amigo, Alfié, segundo o Google Maps está a 48,5 km da sede. Não citei as outras distâncias dos vizinhos porque a matéria é para falar do distrito e não das cidades vizinhas. Te agradeço a informação e colaboraçaõ José Célio.

      Excluir
  83. Faltou uma matéria sobre a baixa capacidade de leitura da maioria das pessoas. Que lástima.

    ResponderExcluir
  84. Olá Armando, como disse, Minas tem mais de 1700 distritos, sua lista está ótima, contudo, sabemos que nem todos os distritos figurarão nela. Acredito que os distritos de Conceição de Ibitipoca em Lima Duarte e Lapinha da Serra em Santana do Riacho deveriam ser acrescidos a sua bela lista.

    ResponderExcluir
  85. Serra do Cipó, também em Santana do Riacho, é digno de figurar na sua lista.

    ResponderExcluir
  86. Agradeço por dedicado seu tempo a publicar essa maravilhosa matéria. Sou mineira de coração. Quando me aposentar vou passar 6 meses em cada um deles, valeu, achei maravilhosa a viajem!!

    ResponderExcluir
  87. Nossa minas é realmente maravilhosa e encantadora, gostaria em uma próxima publicação citasse a cidade de Antônio Dias, minha terra natal, cidade querida, que também faz divisa com Santana do Alfie, e é a cidade berço do vale do aço, vale a pena conhecer, desde já agradeço, e continue divulgando nossas riquezas.....

    ResponderExcluir
  88. Em quem vou ter que tacar um tijolo? HAHHA
    Como podem deixar Miguel Burnier de fora?

    ResponderExcluir
  89. Achei muito interessante os distritos selecionados. INclusive não conheço São José das Três Ilhas, próximo de Juiz de Fora. Irei lá conferir a bela IGreja de pedra.

    ResponderExcluir
  90. Onde fica a primeira matriz de minas gerais tombada pelo iefam .Muito boa materia estão de parabens .

    ResponderExcluir
  91. São Gonçalo do Rio das Pedras, no Serro

    ResponderExcluir
  92. Oh! Minas Gerais, quem te conhece não esquece, jamais!

    ResponderExcluir
  93. Faltou cauis distrito com maior produção de leite em são Sebastião do rio preto

    ResponderExcluir
  94. Eu sou apaixonado com cidades e o modo de vida de lugares assim.
    Minha Paixão

    ResponderExcluir
  95. Bacana demais, uma viagem em sentido real

    ResponderExcluir
  96. Alfié faz divisa com Antonio Dias tambem

    ResponderExcluir
  97. Sugiro incluirem: São Bartolomeu (Ouro Preto) e Itatiaia(Ouro Branco)

    ResponderExcluir
  98. Faltou Itamarati de Minas,muito interssante, perto de Piacatuba, l5 km de Cataguases.

    ResponderExcluir
  99. DISTRITO DE MILAGRES EM ARCEBURGO MG
    ROTA DO CAFÉ

    ResponderExcluir
  100. Li atentamente as descrições dos distritos. Excelente inicitiva! Conheço alguns destes distritos e várias cidades às quais pertendem. Minas Gerais é um estado que, somente ele, demandaria anos para se conhecer.
    No início do texto há a indicação de que esta é a Parte 1. Vocês já publicaram a Parte 2? Não encontrei nenhum link.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, publicamos as partes II, III, IV e V. No lado direito acima, clique em DISTRITOS. Estão lá.

      Excluir
  101. Dentre esses tem Angustura, distrito de Além Paraíba.
    Zona da Mata Mineira. Fica a 3 horas do RJ.

    ResponderExcluir
  102. Que post maravilhoso... ohh minas gerais lugar abençoado sô... parabens amei me deliciar nessas lindas cidades mineiras...

    ResponderExcluir
  103. Amei a lista! Gente, mas Minas Gerais é especial demais da conta sô! Cada lugar mais bucólico, idílico e encantador que dá vontade de me mudar pra lá! Rsrs... Largar tudo na metrópole paulista e viver de verdade junto à natureza!
    Só não gosto deste aspecto religioso (católico). Sou agnóstico! Penso que o povo de Minas poderia valorizar mais esses distritos e suas tradições e cultura. Beijos e abraços pro povo mineiro

    ResponderExcluir
  104. Faltou o mais famoso, São Tomé das Letras, eu hein. Concordo, e muito, que não dá pra colocar todos os distritos. Mas, obviamente que nem todos tem potencial turístico. Sei que entre os 3 distritos mais visitados em Minas ele está. Pecado capital.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. EU HEIN????Essa é a parte I, tem mais 4. Mas São Tomé das Letras? Distrito? São Tomé das Letras meu caro é uma das mais conhecidas CIDADES de Minas Gerais amigo. Distrito é uma coisa, cidade é outra. Santuma é cidade e não tem que estar aqui. Mas navegue no site e verá 4 matérias sobre a bela CIDADE de São Tomé das Letras.

      Excluir
  105. Kkkk...o mais divertido são os comentários! Parabéns mineirada !

    ResponderExcluir
  106. Eu tive o prazer de conhecer Milho Verde e Bichinho . Amei

    ResponderExcluir
  107. Bela matéria e o bucolismo dos vilarejos faz a gente viajar. Êta Minas Gerais do queijo, do tutu, do angu, da couve chiada na frigideira e do Cruzeirão cabuloso...

    ResponderExcluir