Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

domingo, 8 de outubro de 2017

Conheça Conceição do Mato Dentro

(Por Arnaldo Silva) Na Região Central-norte de Minas, distante 170 km de Belo Horizonte, sentido MG-010, passando por Lagoa Santa e Serra do Cipó, está a cidade histórica de Conceição do Mato Dentro, fundada em 18 de março de 1842. São pouco mais de 20 mil habitantes que vivem numa bela cidade que faz divisa com os municípios do Serro, Gouveia, Dom Joaquim e Congonhas do Norte. Além da sede, em Conceição do Mato Dentro estão 10 distritos.(foto acima de Raul Moura, a Igreja de Nossa Senhora da Conceição e abaixo, também de Raul Moura, vista parcial da cidade)
Cidade charmosa, arquitetura colonial preservada, com um belíssimo casario, belos templos e rodeado por belezas naturais fantásticas, sendo considerada como a “Capital Mineira do Ecoturismo”. Conceição do Mato faz parte dos circuitos turísticos Estrada Real e Serra do Cipó, aos pés da Cordilheira do Espinhaço.
É a única cordilheira existente no Brasil. Tem seu início próximo a cidade histórica de Catas Altas MG (na foto acima de Elvira Nascimento), na Região Central e se estende continuadamente por cerca de 1000 km até o Sul da Bahia, abrangendo 53 municípios mineiros. Em toda sua extensão, percebe-se a presença dos biomas, Cerrado, Mata Atlântica e Caatinga. A Cordilheira do Espinhaço abriga 12 unidades de conservação protegendo e guardando belezas impressionantes como nascentes, lagos, matas nativas e rios que serpenteiam a serra com suas belezas e águas limpas, como o da foto abaixo do Tom Alves, o Rio Cipó.
São três milhões de hectares que guarda riquezas minerais, naturais e uma riquíssima fauna e flora, principalmente na Serra do Cipó, onde é encontrado o maior número de espécies endêmicas da flora do Brasil. Por sua importância para Minas, o Brasil e o mundo, foram reconhecidos pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em 27 de junho de2005, como reserva mundial da Biosfera. 
O município explora ecoturismo e preserva muito bem suas belezas naturais. O destaque é a Cachoeira do Tabuleiro (na foto acima do PauloZaca), eleita por duas vezes consecutivas como a cachoeira mais bela do Brasil pelo Guia 4 Rodas, além de ter sido eleita em concurso realizado pelo Instituto Estrada Real, em 2012, como uma das “7 maravilhas da Estrada Real”. São 273 metros de queda livre, que formam um poço em tom vermelho escuro, por causa da cor das pedras da região. É a maior de Minas e a terceira maior cachoeira do Brasil.
A Cachoeira do Tabuleiro é uma dos atrativos naturais de Conceição do Mato Dentro, mas têm muito outros atrativos como a Cachoeira Rabo de Cavalo, Poço do V, Cachoeira Congonhas. Cachoeira do Roncador de Cima e Prainha do Roncador, Cachoeira de São Miguel em Três Barras, Poço do Pari, Poço do Piraquara, Córrego do Baú (Lago das Ninfas), o Parque Municipal Salão de Pedras, Sítio Arqueológico Colina da Paz, Salão de Pedras, Mirante da Serra da Ferrugem Lago Azul ou Poço Azul, o Monte Cristal e ainda trilhas, mirantes e paisagens, que dependendo da época, proporcionam belezas radiantes quando as flores nativas estão floridas, como as Sempre-vivas e orquídeas nativas (na foto acima do Wilson Fortunato).
Além de suas belezas naturais, na cidade de Conceição de Mato Dentro encontra-se diversos outros atrativos arquitetônicos do período colonial brasileiro do século XVIII, além de seus casarões históricos, tem a Igreja de Santana, (na foto acima do Raul Moura), a Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a Casa da Cultura, a Capela do Senhor dos Passos no pitoresco e charmoso distrito de Córregos, o Santuário do Bom Jesus do Matozinhos e a a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos (na foto abaixo de Raul Moura)
Conceição do Mato Dentro preserva sua historia e tradições religiosas e folclóricas como a Folia de Reis, o Reinado de Nossa Senhora do Rosário, as comemorações da Semana Santa e Corpus Christi, a Festa e Novena de São Sebastião, o Jubileu do Bom Jesus do Matozinhos, além do Carnaval, Festas Juninas, Festival da Cachaça e comemorações do aniversário da cidade em dezembro.
Seu povo é especial, hospitaleiro e recebem muito bem os visitantes. (foto acima de Arnaldo Silva) Na cidade encontram-se restaurantes simples, rústicos e charmosos, servindo o que ha de melhor da cozinha mineira, além de bons hotéis. Cidade de gente simples, povo pacato, ordeiro e muito atencioso. Por tudo isso, Conceição do Mato Dentro merece uma visita. Vale a pena!

0 comentários:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Postagens populares

Seguidores