Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

sábado, 1 de outubro de 2022

Patos de Minas: agronegócio, estrutura e turismo

(Por Arnaldo Silva) Patos de Minas é uma das mais importantes cidades mineiras. Município de solo riquíssimo e fértil, conta com uma a agricultura bastante diversificada, com culturas variadas como do café, cana-de-açúcar, mandioca, tomate mesa, feijão, maracujá, sorgo, soja, eucalipto e principalmente milho, além do município ser um dos destaques nacionais na pecuária leiteira.
          Segundo o IBGE, Patos de Minas é a segunda maior bacia leiteira do Brasil e a maior de Minas Gerais, produzindo uma média de 200 milhões de litros de leite por ano. Em cidades das regiões Norte de Minas, Noroeste e Alto Paranaíba, concentram reservas de gás natural a serem exploradas no futuro. Em Patos de Minas já foram identificados poços de gás natural. (na foto acima de @dronemoc, vista parcial de Patos de Minas)
          Patos de Minas faz parte do Planalto Central, no Cerrado Mineiro, na Região do Alto Paranaíba. Faz divisa com Carmo do Paranaíba, Coromandel, Cruzeiro da Fortaleza, Guimarânia, Lagamar, Lagoa Formosa, Presidente Olegário, Serra do Salitre, Tiros e Varjão de Minas.
          O município, distante 415 km da capital, conta atualmente com cerca de 155 mil habitantes. É formado, pelos distritos de Santana dos Patos (na foto acima de Maurício Soares), Chumbo, Bom Sucesso de Patos , Major Porto, Pindaíbas, Pilar e Alagoas.
Origem
          Patos de Minas tem origens em 1828, no século XIX, com a formação de um povoado em torno de uma capela dedicada a Santo Antônio, nas proximidades de uma lagoa. Denominado inicialmente de Santo Antônio da Beira do Rio Paranaíba, foi elevado a distrito em 1842, subordinado a Patrocínio MG. Tornou-se vila independente em 1866, instalada dois anos depois, em 1868, data oficial da fundação do município.
          Nessa época, teve o nome simplificado para Santo Antônio dos Patos. Por fim, elevado a cidade emancipada em 24 de maio de 1892 com o nome reduzido para simplesmente, Patos. O nome é devido a grande quantidade de patos nativos que habitavam as lagoas da região.
          Por existir no Brasil, na Paraíba, uma cidade com o nome de Patos, desde 1788, portanto, mais antiga que a cidade mineira, a cidade mineira recebeu o acréscimo de “de Minas”, apenas para diferenciar as duas cidades, passando a se chamar Patos de Minas.
Colonos gaúchos
            Na década de 1970, o desenvolvimento de Patos de Minas teve a contribuição de agricultores gaúchos, que vieram para a região e formaram colônias. Vieram para trabalhar nas terras férteis e ainda pouco explorados do Cerrado do Alto Paranaíba. (fotografia acima de Marcos Pieroni)
          Por terem origens em gerações de agricultores alemães e italianos, experiências e conhecimentos na lida com a terra, os colonos gaúchos contribuíram em muito para a diversificação e desenvolvimento e diversificação da agricultura e pecuária da cidade.
Estrutura urbana e o agronegócio
          Cidade com excelente estrutura urbana, desenvolvida e atraente, oferece boa qualidade de vida a seus moradores. Conta com um setor de prestação de serviços diversificado e eficiente, diversos segmentos comerciais e industriais, com destaque para a indústria de leite e derivados, carne suína e derivados, sementes, adubos e defensivos agrícolas e alimentos enlatados.
          Patos de Minas está na 20° posição no ranking do último Índice de Desenvolvimento Humano dos Municípios (IDHM), divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Seu IDHM é de 0,765, estando entre os 20 melhores municípios mineiros para se viver. (na foto acima de @dronemoc, a Rodoviária da cidade)
          Por sua forte influência na agricultura e ser um polo do agronegócio, a cidade sedia um Centro Integrado de Abastecimento (Ceasa Regional) que atende 25 municípios do Alto Paranaíba e Noroeste de Minas além de exportar alimentos para vários países.
          Além de ser a maior bacia leiteira de Minas Gerais e uma das maiores do Brasil, Patos de Minas se destaca no país pela produção de milho desde a década de 1950. A partir de 1958, a cidade passou a organizar a tradicional Festa Nacional do Milho, evento de grande importância para o calendário do agronegócio no Brasil.
Dia do Milho 
          O milho é tão importante e tradicional em Patos de Minas que a cidade foi elevada a Capital Nacional do Milho, oficialmente, através de decreto presidencial. O Dia Nacional do Milho no Brasil é 24 de maio, por decreto-lei, devido ser esse dia, o aniversário de Patos de Minas.
O que fazer em Patos de Minas?
          Um dos destaques da cidade é sem dúvida a Festa Nacional do Milho que atrai milhares de turistas à cidade. Realizada anualmente entre maio e junho, a festa conta com shows, desfiles, festivais gastronômicos, feiras de gado e máquinas, além claro, do milho e tudo que é produzido a base desse cereal. Mas a cidade tem mais que isso a oferecer.
          Patos de Minas faz parte do Circuito Turístico Tropeiros de Minas onde o turista pode conhecer e apreciar o estilo de vida tropeiro pela zona rural dos munícipios do circuito, bem como conhecer fazendas centenárias e tradicionais, além da típica gastronomia mineira do interior.
          Além disso, a cidade tem como atrativos um rico e variado artesanato, festas culturais, religiosas e folclóricas durante o ano, o Central Shopping, o Centro de Convenções e Eventos, o Parque do Mocambo, a Lagoa Grande, o Teatro Municipal, o Mercado Municipal, o Parque de Exposições, o Clube Caiçaras, a Igreja do Rosário, o Conservatório Municipal, o Estádio Zama Maciel, o Memorial Casa da Cultura do Milho, a belíssima Catedral de Santo Antônio (em destaque, acima na foto do @dronemoc) 
          Além disso, Patos de Minas conta com ótima rede hoteleira e gastronômica bem estruturadas, principalmente para o turismo de negócios além de padarias, lanchonetes, sorveterias e bares em vários estilos, belas praças e locais públicos e privados para eventos e festividades.

0 comentários:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Postagens populares

Seguidores