Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

quinta-feira, 10 de outubro de 2019

Bueno Brandão: o Campo Místico das Gerais

(Por Geraldo Adami) Encravada nas montanhas e campos místicos da Serra da Mantiqueira, no sul das Minas Gerais, agraciada com exuberante vegetação e abundância de águas, inclui-se na paisagem a adorável cidade de Bueno Brandão.
          Terra de gente tranquila, que cedo levanta para cuidar dos afazeres do dia, e que no cair da tarde ainda acha tempo para um dedinho de prosa com os amigos. Terra de gente disposta que produz alimento, artesanato, comida boa, e que descobre a cada dia o prazer de receber os mais diversos visitantes.(Fotografia acima e abaixo de Douglas Coltri)
Localização
          Bueno Brandão fica localizada no extremo sul de Minas Gerais, na divisa com o Estado de São Paulo. Bem localizada, a cidade fica próxima das grandes metrópoles regionais como São Paulo/SP (170 km), Campinas/SP (151 km), Bragança Paulista/SP (83 km), Pouso Alegre/MG (72 km), Itajubá/MG (141 km), entre outras. Os municípios limítrofes são Ouro Fino e Inconfidentes a norte, Bom Repouso e Senador Amaral a leste, Munhoz a sul, Socorro (São Paulo) a oeste e Monte Sião a noroeste. 
O clima
         Em Bueno Brandão, o verão é longo, morno, com precipitação e de céu encoberto; o inverno é curto, ameno e de céu quase sem nuvens. Ao longo do ano, em geral a temperatura varia de 0 °C a 27 °C. (na foto acima do Douglas Coltri, Bueno Brandão coberta por brumas no inverno)
As cachoeiras
          Além da paz, da aventura, da culinária, das montanhas, dos artesanatos, da cultura mineira, além de ser Bueno Brandão bonita por natureza. Existem as Cachoeiras, Felix, Machado I e II (na foto acima do Douglas Coltri), Davi, Cascavel, Luiz, Fidêncio, Malacacheta, Cafundó e tantas outras geladas, quentes, altas, baixas, tranquilas, agitadas, CACHOEIRAS para que se possa ainda mais, não estar, mas sim fazer parte de tudo isso. São mais de 30 cachoeiras catalogadas.
Picos e Vales
         Para chegar perto do céu os picos, 1200, 1300, 1880 metros acima do nível do mar, para tirar o fôlego de quem busca a vida sem quietude. (na foto acima do Douglas Coltri, vista da Serra das Furnas)
          O deslumbre dos mares de Minas é ainda mais fantástico visto das montanhas de Bueno Brandão. Para subir fica ao gosto do freguês, como dizem os “vendeiros” da cidade, vale a trilha, vale o jipe, vale a moto, vale a bicicleta, só não vale deixar de sentir os ventos que sopram refrescando o suor de quem se sente bem aventurado. 
          O Vale das Furnas, é um dos atrativos para aqueles que gostam de fotografia panorâmica. Nele também contamos com a vista de cidades vizinhas como Ouro Fino e Inconfidentes. 
Turismo de aventura
         Bueno Brandão dispõe de locais adequados para prática de cascanding, rapel, boia-cross, tirolesa, arvorismo, voo livre, ciclismo, off road, motociclismo e outros, oferecendo aos seus visitantes a possibilidade de vivenciar a aventura, ainda que não sejam esportistas. (fotografia acima de Douglas Coltri)
Turismo ecológico
          Com uma farta oferta de matas, trilhas, rochedos, ar puro, mirantes, cachoeiras, pastagens, rica fauna e flora, além de centenas de nascentes e minas d’agua que brotam desse solo abençoado, Bueno Brandão destaca-se como destino vivaz para os amantes de ambientes naturais e preservados propícios ao relaxamento, a meditação e a contemplação.  (fotografia acima e abaixo de Douglas Coltri)
          As noites são um espetáculo à parte, já que Bueno Brandão tem uma das melhores localizações da América do Sul para observação das estrelas.
Esporte ao ar livre
          Sem dúvida Bueno Brandão reúne todos os recursos necessários para os apaixonados pelo esporte ao ar livre, seus topos de montanhas, suas trilhas desafiantes, cachoeiras, lagos, possuem as qualidades necessárias para a prática destes esportes. (fotografia acima de Douglas Coltri)
A gastronomia
          Nos restaurantes, bares, cantinas e cafés, Bueno Brandão guarda outra surpresa para os visitantes, um segredo que se revela à mesa farta, entre cores, aromas e sabores, resultado de todas as influências que formaram a cultura brasileira, a culinária mineira é uma das mais apreciadas do país. (na foto acima do Douglas Coltri, cozinha da Pousada do Zezé)
          Se delicie com broas de milho, pães de queijo, tutus de feijão, linguicinhas, massas apetitosas e para fazer a digestão, prove especialidades da terra como a jeropiga, licor de amora, vinho artesanal e o delicioso espumante da uva Niágara, ou as famosas cachaças mineiras. (na foto acima, parreirais da vinícola Uva e Vinho Fidêncio)
A hospedagem
          São mais de 30 opções, entre hotéis, pousadas charmosas e aconchegantes, com vistas para lindas paisagens e algumas delas bem perto das cachoeiras.
Vida equilibrada
          A vida aqui segue outro ritmo, quem chega aqui perde a pressa, principalmente de ir embora, a tranquilidade típica mineira torna-se um dos principais atrativos. Conciliados com a energia que emana da natureza a renovação vital é certeza para o visitante. Águas que correm num fluxo equilibrado, ar puro com frescor das montanhas, aceleram o astral para quem quer revitalizar a alma. A paz de Bueno Brandão torna-se tão presente da vida que até os cachorros dormem no meio da rua. (foto acima do Douglas Coltri)
Guias e receptivo
Receptivo Buena Ventura: Vivências de Jipe 4 x 4 (11) 9 8381-8395
Romero Dumond: (35) 9 9969-6154 - Yuri: (035) 999526920
Centro de Atendimento ao Turista // Secretaria de Turismo : (35) 3463-2384 / (35) 9 9725-3663 - E-mail: turismo.chefe@buenobrandao.mg.gov.br (na fotografia acima do Douglas Coltri, o Castelo Bispo de Sá, tradicional local de eventos da cidade)
*Texto de autoria de Geraldo Adami - Texto e fotografias enviados por Douglas Coltri - Chefe do Departamento de Turismo de Bueno Brandão em 2019

4 comentários:

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Facebook

Postagens populares

Seguidores