sábado, 27 de agosto de 2016

Monte Verde: lugar para amar, lugar de amar.

Compartilhe:

Um pequeno lugar em Minas, com jeito, clima e estilo europeu em sua arquitetura, vem se tornando a cada dia um dos lugares mais procurados por turistas, principalmente casais, já que o lugar é carinhosamente conhecido como “a cidade dos namorados” e por “Suíça Mineira” pela semelhança com os Alpes Suíços. (foto acima enviada por Mônica Milev/Chocolate Montanhês)
Estamos falando de Monte Verde (na foto acima de Ricardo Cozzo), distrito de Camanducaia, no Sul de Minas Gerais, distante 480 km de Belo Horizonte e 170 km de São Paulo. O acesso é pela BR 381. É o ponto mais alto de Minas Gerais, com cerca de 1600 metros de altitude. Isso faz com que o inverno em Monte Verde seja bastante rigoroso, com geadas frequentes e temperaturas negativas.
Com uma população de cerca de seis mil habitantes e uma ótima infraestrutura para receber turistas, com hotéis, pousadas e restaurantes sofisticados, Monte Verde é um convite ao sossego e ao amor. Casais em lua de mel ou que queira viver momentos românticos a dois, preferem o charmoso distrito.
 Além de ser a “cidade dos namorados”, é também a terra do chocolate em Minas. São várias chocolatarias. (uma delas é Chocolate Montanhês na foto ao lado/Divulgação) No inverno, um dos atrativos para casais é a pista de patinação no gelo. Para os amantes da boa cerveja, tem também cerveja artesanal de primeira.
A culinária de Monte Verde é especial. (foto acima de Ricardo Cozzo) A rica culinária mineira está presente nos restaurantes, bem como a cozinha europeia. Tem opção para todos os gostos. 
Os chefs de cozinha dos restaurantes do distrito são especialistas em preparar pratos saborosíssimos, principalmente os famosos pratos da cozinha de Minas Gerais como o tutu de feijão, tropeiro, frango com quiabo e angu, pão de queijo, leitão a pururuca, queijos, doce mineiros, etc. (foto acima de Ricardo Cozzo) 
Pelas ruas e lojas da cidade, encontrará com facilidade a nossa legítima cachaça, os licores, doces variados, queijos, vinhos, geleias (na foto acima de Ricardo Cozzo), cafés especiais, muito chocolate e famosa cerveja artesanal Fritz, para você levar de lembrança. Se preferir pratos europeus, no cardápio dos restaurantes encontrará um saboroso cardápio da cozinha europeia.
Isso sem contar os passeios pelas lojas e pelos encantadores casarios no estilo europeu, já que sua origem vem de imigrantes da Letônia, país do Leste da Europa (na foto acima, de Ricardo Cozzo, músicos vindos da Letônia presentes no aniversário do distrito). 
À noite em Monte Verde é inspirativa ao amor, a um bom chocolate e claro, tomar vinho nos bons restaurantes, à meia luz, aquecido por lareira. (foto acima de Ricardo Cozzo)
Não é só de comida que vive Monte Verde. A natureza foi generosa com o local. Paisagens lindas que o visitante pode conhecer passeando pelas trilhas de bike, a cavalo ou em quadriciclos. Nesses passeios, poderá conhecer alguns picos da Serra da Mantiqueira, que proporcionam uma visão espetacular (na foto acima de Ricardo Cozzo). Para quem gosta de emoção, uma mega tirolesa é um atrativo e tanto. O turista conta com o apoio de guias para orientar nos passeios e trilhas de Monte Verde. 
As lojas da avenida principal de Monte Verde (na foto acima de Marcelo Santos) oferecem uma variedade enorme de produtos naturais, bem como artesanato em cerâmica, ferro batido, roupas em vários estilos, artigos de lã e couro como bolsas, sapatos, etc.
Por tudo isso, vale a pena conhecer Monte Verde. Um passeio maravilhoso em meio ao clima das montanhas de Minas, um ar puro, que propicia um sossego e relaxamento total do corpo e mente. (Por Arnaldo Silva)

10 comentários:
Faça também comentários
  1. Ameiiiii, fiquei apaixonada,sou de descendência Romena entao esse ar europeu muito me agrada ja estou louca para conhecer.

    ResponderExcluir
  2. desculpa mas uma correcao. esses tocadores de flautas sao escoceses.vestimenta escocesa. Letoes nao tocam flauta. Ja estive na letonia, eles foram viveram sob influencia sovietica (russa).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Letões não tocam flauta e o que vê na foto não são flautas e sim gaita de fole que é uma tradição no pais bem como na Escócia e outros países. A vestimenta em si também tem tradição na Escócia e é mais conhecida no mundo como escocesa, devido a Escócia ser mais falada e sua cultura ter influenciado vários outros países europeus, entre eles a Letônia. Mas tanto a vestimenta, a gaita e os que vê na foto são da Letônia e vieram desse país justamente para a festa que ocorreu ano passado.

      Excluir
  3. Pedimos que dê os créditos à foto em destaque. É de direitos autorais via CC 2.0 do blog Muita Viagem.
    http://muitaviagem.com.br/monte-verde-mg-trilhas-o-que-fazer-dicas/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedido aceito, bem como o link inserido. Caso tenham fotos e matérias de Minas e quiserem nos ceder Danilo pode nos enviar por e-mail que será publicada com os créditos do link. Parabéns pela bela imagem e pela excelente matéria. Estamos a disposição.

      Excluir
  4. Pretendo conhecer logo que for preciso!!!

    ResponderExcluir
  5. Brasil tem lugares maravilhosos para conhecer.
    Espero em breve conhecer esa parte de Minas Gerais

    ResponderExcluir