sexta-feira, 19 de julho de 2019

Andanças

Compartilhe:

Pelo caminho a vida vai traçando passos. 
Os pés vão aprendendo a dançar na poeira do tempo. 
Tempo de sóis e ventania. 
Mudanças nas andanças são rotineiras, certeiras e ferozes. 
Guarda teus pés da lama e procura os lírios que nela nascem.
Vivencia as pegadas que estão à frente, mas finca teus pés no teu próprio traçado. 
Vale a pena, pequena, cuidar de ti. 
Lavar os pés em água de chuva, às vezes é necessário, muitas vezes imprescindível. 
Reconhece tua dança, teu canto, tua morada. 
Redescobre o caminho quando se perder. 
São eles, os teus pés, que lhe trarão de volta, e, também, a farão prosseguir. 
Lava tua alma na canção do rio. 
O rio que corta a tua estrada vai dar no mar do coração. 
E aí, escuta,criança, no barulho dos teus passos, os segredos da viagem, e transforma em laços todos os nós do caminho. 
E que teus pés te levem, te tragam, te conduzam, desenhem e contem sua história: história de mulher com detalhes de menina. Miryan Lucy Rezende - Uberlândia MG com fotografia ilustrativa, de Wilson Fortunato

Nenhum comentário:
Faça também comentários