segunda-feira, 3 de setembro de 2018

O bolo de fubá na brasa e sua origem

Sabor e aroma de roça...

Fogão a lenha me lembra infância. Há algum tempo vinha pensando em tentar fazer um bolo de fubá assado nas brasas. Aquele que minha avó materna fazia quando eu era criança.

Esse bolo era um recurso para o meio da semana, quando não era dia de acender o forno a lenha para as quitandas. Era para a merenda da tarde, onde se aproveitava as brasas da lenha queimada no preparo do almoço.

Vó Geralda fazia de doce ou de sal, ambos muito bons! E a receita? Na verdade eu nunca vi a minha avó olhando nenhuma receita. Ela ia colocando os ingredientes conforme tinha ali na cozinha. Fubá de moinho, coalhada, manteiga de leite, açúcar ou rapadura, ovos, queijo ralado, e bicarbonato, pois não havia esse fermento em pó naquele tempo.

Depois, ela colocava a massa em uma caçarola de ferro untada com manteiga, tampava com uma folha de lata e enchia de brasas por cima. Logo após, era só levar a uma chama do fogão, tendo o cuidado de deixar somente as brasas acesas, retirando a lenha. Senão o bolo queimava.

Esse das fotos eu fiz com os seguintes ingredientes:
3 xícaras de fubá de moinho
2 colheres de farinha de trigo
3 ovos
2 colheres bem cheias de manteiga de leite
2 xícaras de açúcar
1 xícara de Queijo Canastra ralado
1 colher de fermento em pó
Misturei tudo e levei ao fogão a lenha, colocando brasas por cima em uma tampa improvisada
--------------------------------------------------------------------------------------------
Texto, receita e fotos de Maria Mineira - São Roque de Minas

Nenhum comentário:
Faça também comentários