sexta-feira, 7 de setembro de 2018

A Bolerata do Serro

Tudo começou em 1990 com um encontro de bandas que ocuparam as sacadas dos casarões históricos da Praça João Pinheiro, no Serro, na região do Alto Jequitinhonha. Foi um encontro tão emocionante, que a partir daquele ano, começou a ser frequente e a partir de 2002, virou um evento tradicional na cidade, com apoio da Prefeitura Municipal e Associações culturais e musicais locais.

É um espetáculo maravilhoso. O centro da cidade, com seus belos e preservados casarões, a beleza da escadaria e Igreja de Santa Rita, emolduram a paisagem da noite cultural. O povo fica ao centro da praça, e pode saborear os produtos da terra, como o famoso queijo do Serro, a cachaça, doces e também, tomar uma boa cerveja ou uma gostosa bebida quente. Quem não se contenta em ficar sentado, ouvindo, levanta da mesa e dança à vontade.

O repertório principal é o bolero mas as tradicionais fanfarras, serestas, clássicos são tocados também. Música boa, de qualidade e com bandas formadas por músicos talentosos, que amam a arte que vivenciam e passam para os conterrâneos e visitante. Emociona, encanta, alegra a alma.

O som das bandas, que ecoa por todos os cantos, becos e e ruas da tri-centenária cidade serrana. O evento dura 90 minutos. Pura cultura, música de qualidade com muita emoção. E o povo serrano é ímpar, gosta de música, de cultura e valoriza sua cidade, suas tradições e seus valores. São hospitaleiros, simples, alegres e recebem muito bem os turistas e visitantes. (Por Arnaldo Silva - Fotografia de Sônia Fraga)

Veja a programação da Bolerata para o ano de 2018
Programação acima extraída da fanpage da Prefeitura do Serro MG
Como chegar em Serro
Além da Bolerata, o Serro tem um rico e preservado acervo arquitetônico e festividades culturais como a Folia de Reis e Festa de Nossa Senhora do Rosário. Seus distritos são muito procurados por turistas pela simplicidade e belezas naturais. Milho Verde, São Gonçalo do Rio das Pedras, Vila de Mato Grosso e Capivari são os distritos mais procurados.
A cidade fica a 226 km de Belo Horizonte, 759 km de Brasília, 892 km de São Paulo, a 685 km do Rio de Janeiro  a 580 km de Vitória.
De avião: 
Pegue um avião até o aeroporto de Confins em Belo Horizonte. Do aeroporto, siga de ônibus até a rodoviária da capital mineira  pegue um ônibus na rodoviária, da viação Serro e Saritur. São 5 horas de viagem e você poderá contemplar as belas paisagens da Serra do Cipó, pelo caminho. 
De carro:
Se vier de Brasília, venha pela BR 040 e próximo a Curvelo, pegue a BR 259.
Se ver de Belo Horizonte, pegue a MG 010, sentido Lagoa Santa, Serra do Cipó e Conceição do Mato Dentro e ficar atento as placas indicativas.
Se for sair de São Paulo, venha pela Fernão Dias, até BH e pegue a MG 010, sentido Lagoa Santa, Serra do Cipó, Conceição do Mato Dentro e fique atento as placas indicativas.

Nenhum comentário:
Faça também comentários