segunda-feira, 11 de junho de 2018

Bolo de fubá tradicional de Minas

Essa é uma das mais tradicionais receitas de Minas Gerais, mais de 200 anos presente na mesa do povo mineiro. 

No início os ingredientes eram difíceis de conseguir, pelas dificuldades da época. O leite vinha direto do curral. Fubá era moído no moinho de pedra. Não existia óleo, usava-se banha de porco.  Bater a massa era na mão mesmo. Fermento não existia, usava-se o bicarbonato. Como o trigo era um produto difícil de conseguir naqueles tempos, não era usado nos bolos de fubá. Ao invés de farinha de trigo, usavam coalhada. Trigo em bolo de fubá é invenção. Bolo de fubá é feito com fubá e não leva farinha de trigo.E tudo era assado no forno a lenha. Quem não tinha forno, assada no fogão a lenha. Simplesmente colocava a massa numa panela, na trempe do fogão e cobria a panela com uma chapa cheia de brasa. Assim ficava assado por igual e super delicioso. 

A maioria das famílias antigas eram bem simples e não existia como hoje copo americano para tirar as medidas. Usavam canecões enormes mas não nas medidas, para beber leite ou água. Em sua maioria, tinham pouco ou nenhum estudo e não entendiam muito de valores de medidas. A quantidade de ingredientes eram medidas em pratos, aqueles pratos esmaltados.

Em algumas comunidades de Minas usa-se os ingredientes tradicionais da receita. Mas como a maioria do mineiro e brasileiro vive em cidades grandes, as tradicionais receitas tiveram que se adaptar aos novos ingredientes e facilidades da vida moderna nas cidades. Hoje é fácil encontrar nos supermercados os ingredientes para qualquer receita. O objetivo é manter a tradição do sabor, da originalidade da receita, com as facilidades que a vida moderna nos oferece.  Aprenda então a fazer o tradicional Bolo de Fubá, natural de Minas Gerais.
Você vai precisar de:
2 copos americanos de fubá bem cheio
100 g de coalhada (não se usa trigo em bolo de fubá original mas se preferir, use apenas 1 colher e meia de sopa de farinha de trigo)
1 copo americano de óleo faltando um dedo para encher. (até aquela linha superior do copo)
3 ovos caipira
1 colher de sopa de fermento em pó
2 copos de leite (não é leite em pó, nem leite de caixinha, melhor seria o cru, mas na cidade é difícil de encontrar, use então o pasteurizado)
1 copo americano de açúcar
1 pitada de sal
1 copo americano de Queijo Minas ralado
Pra fazer:
No liquidificador, bata os ingredientes, exceto o fermento e o queijo. Bata bem.
Quando terminar de bater, misture com uma colher o fermento e o queijo.
Despeje todo o conteúdo numa forma redonda ou retangular, untada com manteiga
Leve para assar em forno pré-aquecido a 200ºC até dourar.
-----------------------------------------------------------------------
A receita foi adaptada aos ingredientes e facilidades encontradas na cidade hoje, mas quem puder e tiver condições pode fazer da forma tradicional. A medida você vai tirar com pratos esmaltado que hoje são fáceis de encontrar. Use leite cru, fubá de moinho, bicarbonato de sódio no lugar do fermento, coalhada no lugar da farinha de trigo, banha de porco, ovos de galinha caipira. Miture os ingredientes numa panela, mexa com colher de pau e com esta colher, bater por uns 15 minutos, até ter consistência boa e levar ao forno de barro para assar, como há 200 anos atrás. Fica outra coisa,um bolo maravilhoso, delicioso demais!
-------------------------------------------------------------------------
(Por Arnaldo Silva (Bom Despacho MG) - Receita de familia. Fotografia de Márcia Porto de Santa Maria do Salto MG)

Nenhum comentário:
Faça também comentários