quarta-feira, 9 de maio de 2018

Doce de mamão com abacaxi

Fotografia de Beto Magalhães/Jornal O Estado de Minas
Ingredientes:
- 500 g de massa de abacaxi
- 500 g da polpa de mamão maduro (qualquer variedade) amassada
- 800 g de açúcar cristal
- Açúcar refinado para finalizar
Como fazer Doce de mamão com abacaxi:
Bater a polpa do abacaxi no li­quidificador e levar ao fogo, até levantar fervura e secar parte da água. 
Deixar esfriar, pesar e usar meio quilo ou adaptar as quanti­dades dos demais ingredientes. Misturar o mamão com o abaca­xi e com o açúcar. 
Levar ao fogo e mexer até começar a soltar do fundo da panela.
Tirar o ponto do doce colocando uma pequena por­ção em um copo com água fria. 
Caso forme uma balinha, está no ponto.
Deixar descansar, de pre­ferência de um dia para o outro.
Para enrolar, fazer uma bolinha e, com os dedos, puxar as pontas, de modo a formar uma espécie de estrela com três pontas arredon­dadas. Passar no açúcar refinado antes de servir.

Doce combinação da felicidade
No mês de setembro, Joaquim Felício se torna palco de fervorosas de­monstrações de fé e devoção. É quando acontecem as festas do Divi­no e de Nossa Senhora das Dores, esta padroeira do município. Nessa época, antigos filhos da terra que se enveredaram por outros caminhos aproveitam para rever familiares e são recebidos com as mais doces saudações. Com as compoteiras e latas repletas de iguarias, os mora­dores abrem suas casas para recepcionar quem chega.

E na lista das receitas que não podem faltar está o doce de abacaxi com mamão, um mimo que já passou por gerações colecionando fãs de todas as idades. Os cuidados no preparo vão desde a escolha dos ingredientes ao modo de enrolar.

Nessa etapa, não vale fazer bolinha, quadradinho ou outro formato que não seja aquele parecido com uma estrela de três pontas. Parece que ele perde a graça se for enrolado de outro jeito, comen­ta Vera Machado Amorim, uma das artistas no preparo do docinho. Simpática e boa de prosa, Vera torna difícil a saída dos visitantes, que perdem noção do tempo diante de tamanha doçura.

Receita fornecida por Vera Maria Machado Amorim, de Joaquim Felício MG

Nenhum comentário:
Faça também comentários