quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Carnaval a Cavalo de Bonfim MG

Tradicionalmente festejado desde 1840, o Carnaval a Cavalo de Bonfim MG, distante apenas 15,6 km de Belo Horizonte, a cidade - de 7.000 habitantes - atrai, a cada ano, mais de 20 mil turistas durante os festejos de Momo.
Batalha entre mouros e cristãos é reencenada com disputa com confete e serpentina em festa ocorre desde 1840. Fotografia de Alisson Gontijo
O evento consiste em reencenar a batalha entre mouros e cristãos, não com armas, mas com disputa com confete e serpentina. A tradição veio do século XIX, quando padres europeus trouxeram as cavalhadas para o Brasil. Em Bonfim, houve divergência entre o padre e os cidadãos que participavam da celebração. Proibida pela Igreja, os bonfinenses resolveram continuar com as cavalhadas, porém desvinculadas da fé católica. Nascia assim o Carnaval a Cavalo.
Batalha entre mouros e cristãos é reencenada com disputa com confete e serpentina em festa ocorre desde 1840. Fotografia de Alisson Gontijo
Hoje, o evento é realizado durante o Carnaval e conta com o desfile de cavaleiros e amazonas pela praça principal. Os fogos anunciam a chegada deles, que são recebidos pela população, que protegida por alambrados, participa da festa com serpentinas e confetes. Os cavaleiros e amazonas realizam evoluções a cavalo pelo circuito demarcado, trajando luxuosas fantasias confeccionadas em veludo e ricamente bordadas.
Batalha entre mouros e cristãos é reencenada com disputa com confete e serpentina em festa ocorre desde 1840. Fotografia de Alisson Gontijo
O espetáculo conta ainda com a Corporação Musical Padre Trigueiro, que toca marchinhas, músicas populares e a Havaneira Bonfinense, hino do Carnaval a Cavalo. A festa começa no domingo, repete-se na segunda e é finalizada na terça-feira de Carnavbal, quando os cavaleiros e amazonas apeiam dos cavalos, tiram as máscaras e celebram a conquista do público no Carnaval de Bonfim.
Batalha entre mouros e cristãos é reencenada com disputa com confete e serpentina em festa ocorre desde 1840. Fotografia de Alisson Gontijo
O evento é familiar: há exemplo de pais e filhos, irmãos, primos, avós e netos, que participam e abrilhantam a festa mais tradicional da cidade.
Serviço:
Carnaval a Cavalo de Bonfim - Informações: www.carnavalacavalo.com.br

Nenhum comentário:
Faça também comentários