Coração Mineiro

No alto de Minas,
lá perto do céu das Gerais,
a alma encontra refúgio,
deixando o resto pra trás.


Raios de sol em manhãs de inverno
revelando vales, descobrindo flores;
no azul leves e tímidas nuvens,
encerram a sinfonia das cores.


Nas serras,
pequenas casas e o cheiro da terra...
Cheiro de pão-de-queijo
de pão,
de queijo,
café.

Ah! o café de Minas...
Sensações mineiras,
inconfundíveis,
inesquecíveis!

Óh Minas Gerais,
a distância me forjou mineiro ainda mais.
No peito não há coração
e sim um triânguo vermelho,

Que pulsa,
Que vibra, Óh Minas Gerais!
Que chora a saudade do teu povo simples de fala caipira,
de fala cantada de Belo Horizonte.

Quem te conhece não esquece jamais:
passado de lutas
presente de glória.

Muitos vieram e rasgaram teu couro,
perfurando teu solo,
querendo de novo.
Mas teu maior patrimônio,
nem prata, nem ouro,
tua riqueza Óh Minas,
é teu povo,
Teu povo! 


Créditos: Lugofj "BLOG Um Pouco de Tudo!!!"
Fotografia de César Reis em Tiradentes MG

Nenhum comentário:

Postar um comentário