Assim é o mineiro...

Fotografia de Nilza Leonel em Vargem Bonita MG
Aceita um pão com queijo? Biscoito de polvilho? Uma brevidade? Ou quem sabe uma broinha de fubá? 
- Não, dona, obrigado. As quitandas me apetecem, mas prefiro um golinho de januária, ou um desses licores, e pronto! Estou satisfeito...
Depois da refeição vem uma preguiça danada, uma vontade louca de ficar esticado na cadeira de descanso, sem um movimento, sem um pensamento: 
-... 2 é bão, 3 é comício. 
-... Devagar que eu tenho pressa. 
-... Mais vale um pássaro na mão... 
-... Se melhorá, piora. 
-... Êta, vidinha mais ou menos. 

 Afinal, que é o mineiro? 
- Mineiro? é aquele que: 
- não fala, cochicha; 
- não olha, espia; 
- não presta atenção, vigia só; 
- não espera, vai andando; 
- não conspira, combina; 
- não diz, sussurra; 
- não se vinga, espera;
- não ataca, tocaia; 
- não dorme, cochila;
- não conversa, confabula; 
- não dá, empresta (a juros); 
- não enlouquece, piora; 
- não pensa, matuta; 
- não tem patrão, tem padrinho; 
- não acredita, desconfia que; 
- não senta, encosta; 
- não acusa, confidência;
- não responde, sacode o ombro; 
- não bebe, toma; 
- não come, mastiga; 
- não treme, arrepia; 
- não relaxa, espreguiça;
- não guarda, esconde; 
- não procura, acha; 
- não poupa, junta; 
- não pergunta, especula; 
- não cai, escorrega;
- não corre, atalha; 
- não convive, mora junto; 
- não vive, vai levando; 
- mineiro não morre, passa.
-... E o que é que você deduz da vida? 
-... A vida... Hum... a vida é um sutiã!
- Por quê? 
- Porque a gente tem é que meter os peito! É, então o mineiro há, uai! 

Darcy Ribeiro - Antropólogo e escritor

Nenhum comentário:

Postar um comentário