Alto do Pico do Itambé, o teto do sertão mineiro.

Fotografia de Tiago Geisler

O Pico do Itambé eleva-se a 2.044 metros na Serra do Espinhaço, no estado de Minas Gerais, entre os municípios de Serro e Santo Antônio do Itambé.

Geografia


Fotografia de Tiago Geisler

Também chamado de “teto do sertão mineiro”, o Itambé é o ponto mais alto da Serra do Espinhaço e do interior mineiro. De cima, a vista domina mais de uma centena de quilômetros ao redor do pico. Toda a região tem o Itambé como guia e referência. Nos primórdios de Minas Gerais, chegou a ser considerado o mais alto do estado. Foi o marco referencial para os naturalistas, exploradores e bandeirantes que passaram pela região, desde o século XVI. A cadeia de elevações que o cerca é de fundamental importância para Minas, por ser a vertente de três das principais bacias hidrográficas do estado: as bacias do São Francisco, do Jequitinhonha e do Rio Doce.


Fotografia de Tiago Geisler

Para a subida, são de quatro a cinco horas de caminhada por trilhas tranquilas, porém emocionantes, com possibilidade de retorno no mesmo dia (para os mais acostumados às caminhadas), ou de pernoite pelo caminho ou no cume. Os que passam a noite por lá, normalmente repousam numa casa, no alto do pico, ou acampam em grutas ou ao lado de grandes pedras, e ganham de presente um lindo pôr-do-sol. A subida pode ser feita pelo povoado de Capivari ou por Santo Antônio do Itambé. Para os que gostam de alpinismo, a escalada pode também ser feita por escarpas mais íngremes, proporcionando uma aventura inesquecível. Do alto, seja qual for o caminho escolhido, a paisagem é deslumbrante e descortina-se uma vista privilegiada de todas as cidades mais próximas. Nos arredores existem também várias cachoeiras e uma linda vegetação rupestre, composta de musgos, orquídeas, pequenas plantas canívoras e bromélias.

É possível encontrar “guias” no Serro, nos distritos de Milho Verde e São Gonçalo, no povoado de Capivari ou na cidade de Santo Antônio do Itambé. Aos pés do pico é possível também alugar cavalos.

Um comentário:

  1. Lindas fotos, selecionadas e maravilhoso comentário muito descritivo e sugestivo para que todos os Brasileiros, excepcionalmente os Mineiros fiquem sabendo das Belezas de Nossa Natureza.

    ResponderExcluir